quarta-feira, 4 de abril de 2012

Sexo Tantrico - Por cima ou por baixo?


Por: Chandra Veeresha
(Uma comparação dos ensinamentos do Tantra com o Kama Sutra)

O Ato de Amor Tântrico, conhecido como Maithuna levanta uma série de curiosidade das pessoas. Algumas delas que, pretendo sanar com este texto. Há quem pense que Maithuna e Kama Sutra sejam as mesmas coisas, mas não são.
No Ato de Amor Tântrico, sugere-se uma flexibilidade nos papéis de ativo e passivo, ou seja, a troca de posições deve acontecer de forma espontânea e natural, de modo que a deusa (Shakti) não fique sempre “por baixo” como nas tradições patriarcais. Esta troca de papéis significa respeito pelo sexo oposto e pelo que ele representa energeticamente. Nem o homem é mais que a mulher e nem a mulher, mais que o homem.

Na sociedade atual, a maioria das posições sexuais colocam o homem encima da mulher. O Kama Sutra (manual sexual indiano) é a representação perfeita do que estou falando. Nele, a mulher é representada quase sempre como submissa às leis e vontades masculinas. Tantra e Kama Sutra são bem diferentes, embora sejam frequentemente confundidos. O Kama Sutra tornou-se um manual puramente sexual onde o prazer do homem se sobressai ao prazer da mulher. O Tantra já é uma ciência comportamental onde a sexualidade tem sua importância como ferramenta para se alcançar níveis superiores de consciência. O Sexo Tântrico é, portanto, uma minúscula parte do que esta ciência abrange. Mas algumas posições de ambos são bem semelhantes, visto que ambos são orientais e antigos. Mas o Kama Sutra é da tradição muçulmano indiana, enquanto que o Sexo tântrico, da tradição Tântrica Indiana, tradições bem diferentes na sua visão da mulher.

O jogo erótico, durante o sexo tântrico ocorre no nível externo e interno. No nível externo, através das brincadeiras e jogos de amor (leelas), das carícias, das trocas de presentes, flores, do cheiro, do beijo e do ato sexual em si, alem da troca da energia masculina e feminina, representada por um corpo masculino e outro feminino.
No nível interno, ocorre uma alquimia energética entre o feminino do homem e o masculino da mulher, levando em conta que todos nós temos ambas as energias em nós, independente do nosso corpo. Esta alquimia ocorre também nos campos emocional e mental, agindo no psiquismo de ambos.
É necessário no Ato de Amor Tântrico, momentos de atividade e passividade para que se possa alcançar o Eu superior e que o sexo não seja apenas mundano, mas que aos poucos passe a ser sacralizado. São os momentos de atividade consciente que elevam a energia Kundalini para os centros superiores de energia (chakras), expandindo-os e harmonizando-os. O principal objetivo do sexo tântrico é que Kundalini suba até o centro do coração, transformando o desejo em amor; puro. A bissexualidade masculina e feminina costuma se realizar nesta troca de papéis e posições, trazendo preenchimento e bem aventurança!

Quando Shiva está encima de Shakti, ele representa o céu e ela, a terra. Quando Shakti está encima de Shiva, ela passa a ser o céu e ele, a terra. Ambos, segundo a Tradição Tântrica, necessitam deste equilíbrio energético, considerado primordial e básico dentro do Tantra.
Ao contrário do ensinamento tântrico, o Kama Sutra adverte que se a mulher fica por cima do homem , ele pode ter problemas de saúde, o que é absolutamente delirante segundo o Tantra. Há milênios, os adeptos do Tantra são conhecidos por seu carisma, cheiro bom, saúde inabalável e longevidade (o envelhecimento para um tântrico acontece de forma bem devagar, por acusa do controle da respiração e da ejaculação, dentre outros fatores e segredos milenares praticados). A beleza e aparente juventude tântrica é alcançada tanto pelo homem quanto pela mulher que realiza com seriedade e devoção, o Ato de Amor Tântrico. Mas de todos os “Angas Tântricos” (passos para se atingir esta Consciência Superior), o Ato Sexual Tântrico é o que exige mais disciplina e compromisso interior. Um compromisso espiritual consigo e com o (a) parceiro (a), sendo que é necessário conhecer os outros aspectos do Tantra antes de adentrar aos mistérios do Sexo tântrico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário